A beleza inconfundível do Hotel Unique

Quem passa na frente do número 4.700 da Avenida Brigadeiro Luís Antônio, em São Paulo, logo se impressiona com a arquitetura do Hotel Unique. Projetado por Ruy Ohtake, o prédio de seis andares tem 80 metros de altura e uma arquitetura para lá de ousada. Seu formato assemelha-se ao de um barco – ou ao de uma melancia, segundo alguns – e impressiona. Tudo isso graças ao uso de um grande arco invertido e das 129 janelas circulares na enorme fachada de vidro.

O espetáculo geométrico criado por Ruy Ohtake, em 2002, tem 95 apartamentos de áreas entre 36 m² e 312 m². O projeto marcante recebeu ainda o design de João Armentano nos interiores e o paisagismo de Gilberto Elkis. Armentano investiu em uma estética contemporânea e aproveitou a boa entrada de luz natural nos espaços. Além disso, não hesitou em cobrir as paredes dos quartos com o couro Vitral, da marca Emporio Beraldin, conseguindo beleza e elegância no décor.

Outro destaque da arquitetura do Unique é o “piso infinito” das suítes. Os ambientes VIPs do prédio ficam nos últimos andares e as suítes localizadas nas laterais seguem o formato circular do prédio. A ausência de cantos retos nestes espaços chama a atenção dos hóspedes, o que torna a estadia mais intensa. O hotel de estilo único acomoda até 1.200 pessoas e oferece piscinas aquecidas, saunas, academia, um bar no terraço e a magnífica vista da cidade de São Paulo.